Participação APANT projeto europeu SKILL-UP



A APANT – Associação Portuguesa de Aeronaves Não Tripuladas participa no projeto europeu Skill-Up destinado à promoção de competências em profissões ligadas à aviação no contexto de mudança acelerada entre 2020 e 2030.

O projeto contempla quatro perfis de carreiras profissionais:

· Pilotos,

· Controladores de tráfego aéreo,

· Pessoal aeroportuário,

· Pilotos Remotos de UAS.


Pela sua vocação, a APANT está particularmente orientada para o último perfil, embora participe em todas as atividades do projeto tal como os outros dois parceiros portugueses: Inova+ e QSR Consulting. O consórcio envolve 12 parceiros de 6 países incluindo a EUROCONTROL. O projeto iniciou-se em 2020 com os constrangimentos decorrentes da pandemia de CoViD-19 tem o seu termo previsto para o início de 2023.


O projeto tem uma grande ênfase nas atitudes e competências comportamentais – comummente designadas soft skills – mas tem sido preocupação da APANT manter o equilíbrio com as competências técnicas da aviação (hard skills). Sendo um projeto de educação e formação ao longo da vida, propõe-se apresentar resultados em quatro eixos principais:

  • Mapa para a transformação de competências (das competências atuais até às competências necessárias em 2030).

  • Programas de formação (programas orientados para cada perfil de carreiras na aviação evidenciando habilitação inicial – skilling, formação contínua e incremental – reskilling e conversão ou mudança de carreira – upskilling).

  • Ferramentas de avaliação (criação de ferramentas de validação dos programas de skilling, reskilling e upskilling quer nos objetivos alcançados quer no reconhecimento e satisfação dos profissionais envolvidos).

  • Criação de uma plataforma de partilha de conhecimento.




Posts recentes

Ver tudo

O Presidente da Mesa da Assembleia Geral da Associação Portuguesa de Aeronaves Não Tripuladas (APANT) Dr. Henrique Henriques convocou uma Assembleia Geral ordinária, conforme previsto nos Estatutos e